Marte ataca novamente… ou melhor, a NASA.


Segundo o geólogo John P. Grotzinger da agência americana. Eles fizeram um achado que “vai mudar os livros de história.”
Não se sabe o que é ao certo, mas aposto minhas fichas que é algo relacionado a vida lá no planeta vermelho.

Se for isto a coisa é excitante para os cientistas filosoficamente naturalistas porque eles precisam desesperadamente de algum indício que faça um contrapeso com as evidências cada vez mais avassaladoras de que os blocos primários e essenciais da vida (em especial as formas mais complexas) são altamente complexos e, portanto, carecem de uma boa teoria para seu surgimento. Isto porque o darwinismo só opera no nível biológico (depois que estes blocos estão prontos) e não no nível físico-químico dos compostos pré-biológicos.

Outro ponto importante é lembrar o passado. Recordemos da famigerada rocha marciana em 1996? Cientistas da Nasa alardearam que haviam encontrado bactérias fossilizadas. A coisa se revelou totalmente inconclusiva (para não dizer fraudulenta). A pesquisa foi duramente criticada pela comunidade científica.

É esperar para ver.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s